Menu

Inglês Aplicado C2.2 - Técnico-Científico - Línguas e Relações Empresariais - Sem Ramos - Especialidades


7.5
ECTS / UC
Ano: 3 / 2º Semestre
Plano: 2013/14
Área Científica: LIE
Nível: Avançado

Carga Horária Semestral

Ensino Teórico:
Ensino Teórico-Prático: 64.00
Ensino Prático e Laboratorial:
Trabalho de Campo:
Seminário:
Estágio:
Orientação tutorial:

 

Horas Dedicadas a Estágios:
Horas Dedicadas a Projectos:
Horas Dedicadas a Trabalhos no Terreno:
Horas Dedicadas a Estudo:
Horas Dedicadas a Avaliação:
Outras:

Cursos onde é leccionada a disciplina

Curso - Ramo Ano Plano
Línguas e Relações Empresariais - Sem Ramos - Especialidades 2013/14

Corpo Docente

Vladimir Zegarac
Vladimir Zegarac


Responsabilidades:
Regência
Responsável pelas Pautas
Ensino teórico-prático

Ficha da disciplina

Objectivos da disciplina

1 A UC tem por objectivo promover: (1) a análise e produção de um corpus de textos especializados em inglês (falado e escrito), por exemplo textos de divulgação técnico-científica, brochuras, panfletos, artigos científicos, relatórios científicos, e manuais de utilização;

2 (2) a aquisição de estruturas sintácticas e lexicais específicas e de jargão técnico em inglês. A análise de corpora especializados contribui igualmente para a aquisição e desenvolvimento de competências comunicativas (linguísticas, pragmático-discursivas e estratégicas) e interculturais por parte dos estudantes, utilizadores proficientes, necessárias à comunicação interpessoal, profissional etransaccional, em língua inglesa, por profissionais qualificados nestes domínios, no mundo global.

Critérios de avaliação

Tipo de Classificacao: Quantitativa (0-20)
Metodologia de Avaliação: As aulas têm partes expositivas e teórico-práticas havendo uma constante interacção entre docente e estudantes. A produção oral e escrita em língua inglesa irá ser desenvolvida através de trabalho indiv., de pares e de grupo, da seguinte forma: i) abordagens teóricas de pontos do programa com a participação dos alunos (exposição / aulas práticas); ii) diferentes formas de comunicar com especialistas e leigos interessados, tomando parte nos debates, destacando e fazendo apresentações orais, relatórios sobre informação técnica e científica; iii) a produção de textos individualmente ou em grupo; iv) projectos indiv.; v) preenchimento de questionários; vi) auto- e hetero-avaliação. Avaliação: Modelo A do Reg.º de Avaliação e Aprendizagem da UMa. Os estudantes são avaliados ao longo do semestre através de duas frequências (1ª Frequência: 40% + 2ª Frequência: 40%) e de uma componente oral (20%), em que será testada a sua competência (linguística, discursiva e estratégica) ao nível avançado.

Programa resumido (ver programa detalhado)

Bibliografia Principal

Seely, J (2005). Oxford Guide to Effective Writing and Speaking. O.U.P..
Bolitho, A. R Learn English for Science. Longman,.
Booth, V (1993). Communicating in Science, Writing a Scientific Paper and Speaking at Scientific Meetings,. CUP,.
Ewer, J. & M. Domingues (1990). A Course in Basic Scientific English. Longman,.
Griffiths, P (2007). Scientific Writing. Garnet Education.
Perelman, L (1998). The Mayfield Handbook of Technical and Scientific Writing. Mayfield,.
White, R. and D. McGovern (1994). Writing ? English for Academic Study Series. Prentice Hall.

Outras Fontes Bibliográficas / Documentos de Apoio

Atendimento

Links associados

Observações