Menu

Psicologia da Motivação e Personalidade - Psicologia - Sem Ramos - Especialidades


7.5
ECTS / UC
Ano: 2 / 2º Semestre
Plano: 2015/16
Área Científica: PSI
Nível: Licenciatura

Carga Horária Semestral

Ensino Teórico: 32.00
Ensino Teórico-Prático: 48.00
Ensino Prático e Laboratorial:
Trabalho de Campo:
Seminário:
Estágio:
Orientação tutorial:

 

Horas Dedicadas a Estágios:
Horas Dedicadas a Projectos:
Horas Dedicadas a Trabalhos no Terreno:
Horas Dedicadas a Estudo:
Horas Dedicadas a Avaliação:
Outras:

Cursos onde é leccionada a disciplina

Curso - Ramo Ano Plano
Psicologia - Sem Ramos - Especialidades 2015/16

Corpo Docente

Alda Patrícia Marques Portugal
Alda Patrícia Marques Portugal


Responsabilidades:
Regência
Responsável pelas Pautas
Ensino teórico
Ensino teórico-prático
Lúcia do Rosário Cerqueira de Miranda
Lúcia do Rosário Cerqueira de Miranda


Responsabilidades:
Ensino teórico
Ensino teórico-prático

Ficha da disciplina

Objectivos da disciplina

 Esta unidade curricular tem como objetivos de aprendizagem:

- Saber definir motivação e personalidade e compreender a sua importância na orientação e dinâmica do

comportamento;

- Conhecer a história, os métodos de estudo e avaliação da motivação e da personalidade;

- Conhecer e saber distinguir diferentes teorias da motivação, sendo capaz de as integrar numa abordagem mais

compreensiva da motivação e reconher a sua aplicabilidade em vários contextos de vida (e.g., educativo, social,

laboral, desportivo);

- Distinguir e caraterizar as principais abordagens teóricas sobre o desenvolvimento da personalidade e

compreender os contributos à explicação do funcionamento do ser humano;

- Compreender diversos fatores condicionantes do desenvolvimento e construção da personalidade;

- Desenvolver a capacidade de integrar, refletir e aplicar conhecimentos teóricos no domínio da motivação e da

personalidade;

- Desenvolver a capacidade de trabalhar em equipa, pesquisa científica e comunicação oral e escrita.

Critérios de avaliação

A avaliação da unidade curricular "Psicologia da Motivação e da Personalidade" está sujeita ao Modelo de Avaliação B (cf. Regulamento de Avaliação de Aprendizagem dos Alunos). Assim, destacam-se os seguintes componentes de avaliação:

Para avaliação dos conteúdos relativos à motivação

- 1 frequência (15%, a realizar no dia 30 de abril);

- 1 trabalho de grupo (25%, a entregar no dia 12 de março e com apresentação oral nos dias 12 e 13 de março);

 

Para avaliação dos conteúdos relativos à personalidade:

- 1 frequência (50%, a realizar no dia 04 de junho).

  

Programa resumido (ver programa detalhado)

1. Introdução ao estudo da motivação humana

1.1. Definição, elementos-chave e princípios

1.2. Frustração e dilemas motivacionais

1.3. Perspetiva histórica e principais formas de avaliação

2. Correntes e teorias da motivação

2.1. Teorias homeostáticas (e.g. Hull, Lewin)

2.2. Teorias de conteúdo (e.g. Maslow, Herzberg)

2.3. Teorias de expetativa x valor (e.g. Atkinson)

2.4. Teorias cognitivas e sociocognitivas (e.g. Deci e Ryan, Weiner)

2.5. Teorias sobre o self (e.g. autoconceito, autoeficácia)

2.6. Aplicabilidade das teorias a diferentes contextos de vida

3. Introdução ao estudo da personalidade

3.1. Conceito e termos associados

3.2. Métodos de estudo e avaliação da personalidade

3.3. Fatores condicionantes do desenvolvimento da personalidade

4. Teorias explicativas da personalidade

4.1. Perspetiva psicodinâmica (e.g. Freud, Jung, Erikson)

4.2. Perspetiva humanista (e.g. Rogers)

4.3. Perspetiva de traços (e.g. Allport, Eysenck)

4.4. Comparação das teorias e perspetivas atuais

Bibliografia Principal

Abreu, M. V. (1998). Cinco Ensaios sobre Motivação. Coimbra: Almedina.

Drillings, M. & O'Neil, H. F. (1994). Introduction to Motivation: Theory and Research. In H. F. O'Neil & M. Drillings (Eds.), Motivation: Theory and Research. New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates.

Elliot, A. (2008). Introduction and Overview. Approach and Avoidance Motivation. In A. Elliot (Ed), Handbook of approach and avoidance motivation. Hove: Psychology.

Feldman, R. S. (2009). Motivation and Emotion. In R. S. Feldman (Ed), Essentials of Understanding Psychology (8th Ed.). New York: McGraw-Hill.

Graham, S., & Weiner, B. (1996). Theories and Principles of Motivation. In D. C. Berliner & R. C. Calfee (Eds.), Handbook of Educational Psychology. New York: Simon & Schuster Macmillan.

Hall, C., et al (2000). Teorias da personalidade. Porto Alegre: Artmed

Hergenhahn, B. R. & Henley, T. B. (2014). An Introduction to the History of Psychology. Belmont, CA, USA: Wadsworth Cengage Learning.

Hansenne, M. (2003). Psicologia da personalidade. Lisboa: CLIMEPSI

Locke, E. A. & Latham, G. P. (1994). Goal Setting Theory. In H. F. O'Neil & M. Drillings (Eds.), Motivation: Theory and Research. New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates.

Michel, G., & Puper-Ouakil, D. (2006). Personalidade e desenvolvimento: Do normal ao patológico. Lisboa: Instituto Piaget

Petri, H., et al (2013). Motivation: Theory, research, and application. Belmont: Wadsworth

Pitman, T. S. (1998). Motivation. In D. T. Gilbert & S. T. Fiske (Eds.). The Handbook of Social Psychology. Volume I. New York: McGraw-Hill.

Reeve, J. (2009). Understanding Motivation and Emotion (5th edition). USA: John Wiley & Sons

Rogers, C. (1985). Tornar-se pessoa. Lisboa: Moraes Editores

Savage, T. (2000). Artificial motives: a review of motivation in artificial creatures. Connection Science, 12(3/4), 211-277.

Tapia, J. A. (2002). Evaluación de la Motivación. In R. Fernández-Ballesteros, Introducción a la evaluación psicológica. Madrid: Pirámide.

Weiner, B. (1992). Human motivation: Metaphors, theories, and research. New Park: Sage

Outras Fontes Bibliográficas / Documentos de Apoio

Atendimento

5ªFeira, das 14h às 16h.

Links associados

Observações

Fórum