Disciplina: Nanoquímica I

Área Científica:

Química

HORAS CONTACTO:

72 Horas

NÚMERO DE ECTS:

7,5 ECTS

IDIOMA:

Inglês

Objetivos Gerais:

1 - Esta unidade curricular, procurará dotar o estudante das bases necessárias à síntese dos nanomateriais (não exclusivamente inorgânicos) por via química e do treino em técnicas que permitam a sua preparação e transformação em arquiteturas funcionais.
2 - Serão igualmente destacados os exemplos relevantes, do ponto de vista tecnológico, que estão para além das vias de síntese química habituais.

Conteúdos / Programa:

E1 - Exercícios relacionados com a componente teórica.
P1 - Dois trabalhos práticos e um mini-projecto relacionados com componente teórica.
T1 - Definição e bases da nanoquímica, incluindo a estrutura cristalina e a hierarquia/organização dos blocos construtores na preparação de nanoestruturas.
T2 - Aspectos físico-químicos da superfície dos sólidos.
T3 - Síntese de nanoestruturas zero-dimensionais, incluindo nanopartículas cristalinas (nanocristais), policristalinas e amorfas.
T4 - Síntese de nanoestruturas a uma dimensão (e.g. fios, bastões, fibras).
T5 - Preparação de estruturas a duas dimensões (e.g. filmes finos).
T6 - Métodos de síntese para os materiais não invocados anteriormente (e.g. derivados do carbono, nanotubos, híbridos orgânico-inorgânicos e estruturas de óxidos em camadas).
T7 - Principais técnicas de fabrico de nanomateriais e de nanoestruturas (e g. " chemical patterning", litografia, automontagem "Layer-by-Layer").

Bibliografia / Fontes de Informação:

C. Bréchignac, P. Houdy, M. Lahmani , 2007 , Nanomaterials and Nanochemistry , Springer- Verlag
G. A. Ozin, A. C. Arsenault, L. Cademartiri , 2008 , Nanochemistry: A chemical approach to nanomaterials , Royal Society of Chemistry
G. Cao , 2004 , Nanostructures & Nanomaterials - synthesis, properties and application , Imperial College Press
L. Cademartiri, G. A. Ozin , 2009 , Concepts of Nanochemistry , Wiley-VCH

Métodos e Critérios de Avaliação:

Tipo de Classificação: Quantitativa (0-20)

Metodologia de Avaliação:
Um momento de avaliação teórica (50% cada para a nota final) + Avaliação Prática (50%). A avaliação tem por objetivo aferir os conhecimentos do aluno ao longo do semestre. Prática de avaliação: A componente laboratorial permite aos alunos desenvolver e reforçar as competências de organização, planeamento do trabalho, análise e apresentação de resultados, elaboração de relatórios, comunicação oral e trabalho em equipa. A repescagem do momento de avaliação teórica na Época Complementar só pode ser efetuada se houver aprovação na componente prática.