Disciplina: Alemão B1.2

Área Científica:

Língua Estrangeira

HORAS CONTACTO:

64 Horas

NÚMERO DE ECTS:

7,5 ECTS

IDIOMA:

Português

Objetivos Gerais:

1 - Esta disciplina consolida os conhecimentos básicos da Língua Alemã (Nível B1.2 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas) nas quatro competências básicas: ouvir, ler, falar e escrever.
2 - O manual da disciplina DaF Kompakt NEU A1-B1 coloca um enfoque acentuado na competência comunicativa e na capacidade de actuação num contexto de expressão alemã. O estudante compreende o essencial (da língua alemã normal) e é capaz de se afirmar, oralmente e por escrito, de forma simples e coesa, no contexto de temas conhecidos.
3 - Aos alunos exigir-se-á uma participação activa, autónoma e criativa nas aulas desta disciplina.
4 - Para que este objectivo seja atingido são muito importantes o Training e o prestar atenção à Língua (language awareness), a reflexão contrastiva sobre a língua e actos de fala, e uma abordagem intercultural.

Conteúdos / Programa:

1 - O programa da disciplina segue, essencialmente, as sugestões do manual (Lições 13-16 ou outros capítulos de interesse temático), dedicando sensivelmente 12 horas de aula a cada lição (4 horas de contacto por semana). Os estudantes completarão a oferta lectiva através de trabalho autónomo com o livro de exercícios do manual (6,5 horas workload por semana).

Bibliografia / Fontes de Informação:

B. Braun, al. , 2016 , DaF kompakt NEU A1-B1. Kurs- und Übungsbuch mit MP3-CD , Stuttgart: Klett

Métodos e Critérios de Avaliação:

Tipo de Classificação: Quantitativa (0-20)

Metodologia de Avaliação:
A exposição teórica será consolidada com trabalho prático escrito e oral e com o trabalho autónomo. Os estudantes trabalham nas aulas individualmente, com um parceiro e em grupo. As aulas só são frontais quando for necessário explicar algum aspecto linguístico complexo. A avaliação é constituída por duas frequências. Avaliação: 80% de presença obrigatória às aulas; 2 Frequências escritas de 2 horas (cada 40%); 1 Prova Oral (20%). Na Época de Recurso serão admitidos alunos com estatuto normal (N) que reúnam as condições para recuperar ou melhorar a frequência na qual obtiveram menor nota (40%). Os alunos com estatuto de trabalhador-estudante (T) poderão realizar na Época de Recurso uma prova escrita das duas frequências (80%). Os alunos admitidos na Época Especial poderão realizar uma prova escrita das duas frequências (80%). A prova oral (20%) não pode ser recuperada nem melhorada na Época de Recurso e na Época Especial.

Regente da Disciplina:

Mafalda Sofia Gomes