Disciplina: Tópicos de Permacultura

Área Científica:

Produção Agrícola e Animal

HORAS CONTACTO:

25 Horas

NÚMERO DE ECTS:

2 ECTS

IDIOMA:

Português

Objetivos Gerais:

A disciplina tem como orientação fundamental a introdução de conceitos que visam demonstrar as relações de sinergias inerentes aos sistemas naturais, propondo metodologias e paradigmas alternativos para uma ocupação social sustentável do espaço ambiental,  assim  como a sua exploração dos recursos  naturais, de  inerência agrícola.

Conteúdos / Programa:

1) Introdução à Disciplina

1.1) Método de avaliação

1.2) Carga Horária

1.3) Objetivos

1.4) Bibliografia

 

2) Tópicos de Permacultura

2.1) Definição de Permacultura

2.2) Linhas Orientadoras da Permacultura

2.2.1) Ética na Permacultura

2.2.2) Princípios da Permacultura

 

 

 

2) Clima e Microclima
3) Descrição de Recursos
4) Redes de Reciclagem Interna
5) Sustentabilidade Agrícola 
6) Mapeamento e Divisão de Zonas
7) Planeamento e Desenho
8) Estruturas e Tecnologias
9) Escala Doméstica, Comunitária e Urbana
10) Organização das Comunidades
11) Exemplos Práticos e Visitas
12) Celebração

Bibliografia / Fontes de Informação:

? Hemenway , T. (2009). Gaia's garden: a guide to home scale permaculture . Chelsea Green Publishing.

? Holmgren, D. (2002). Permaculture. Principles and Pathways beyond Sustainability. Holmgren Design Services, Hepburn, Victoria.

? Mars , R. (2013). The Basics of Permaculture Design. Permanent Publications. 176pp.

? Mollison , B., & Slay , R. M. (1998). Introdução à Brasília: MA/SDR/PNFC.

? Smitham , V., & Bosco IV, G. (2012). Permaculture Design: A Step by Step.

Métodos e Critérios de Avaliação:

A avaliação será baseada na apresentação de um Estudo de Caso acompanhada de um seminário, em grupo de 2 ou 3 alunos; bem como na submissão à Frequência.

Temas de seminário serão propostos de comum acordo entre docente e discentes, tendo em consideração o conjunto de aspectos abordados pelo programa disciplinar.

  • A avaliação será baseada nas apresentações dos Estudos de Caso pelos  alunos (40%);
  • em função da capacidade de Interpretação, Síntese Rigorosa e Elaboração dos temas programáticos (10%), Clareza na apresentação do Seminário  (10%), Originalidade do Trabalho (10%), Rigor na Linguagem (5%);
  • Relatório / Memória das Atividades (25%);
  • Não poderá ser recuperado na Época Complementar nem Especial;
  • A data para Entrega de todo o Material de Redação relativamente aos seminários será acordada com os discentes.

Os grupos de alunos que não obtiverem a pontuação mínima de 15 valores no Estudo de Caso e Seminário, deverão se submeter à Frequência sendo a média final calculada segundo a ponderação: (Nota do Seminário x 2) + (Nota da Frequência x 1) / 3

Regente da Disciplina:

Humberto Gil Moreira Nóbrega