Mestrado em Gestão Cultural

O ciclo de estudos orientado para a obtenção do grau de mestre em Gestão Cultural compreende 4 semestres (2 anos letivos), sendo concedido o grau a quem nele obtiver 120 ECTS.
Este mestrado oferece uma sólida formação científica que permite desenvolver os conceitos teóricos necessários para o crescimento e gestão das organizações culturais das áreas do património, das atividades artísticas e das indústrias culturais, com base numa formação avançada e multidisciplinar em gestão cultural.
Durante o decorrer do curso, as principais competências a adquirir são: identificar a importância do sector cultural como fator de criatividade e de desenvolvimento económico e social; aprofundar conhecimentos necessários ao exercício da gestão de âmbito cultural; posicionar-se no sector de gestão cultural, num contexto equilibrado entre os parâmetros patrimoniais, artístico-culturais, políticos e económicos; gerir de modo autónomo e inovador estruturas ou projetos de âmbito cultural e artístico em contextos alargados e interdisciplinares; investigar ações de comunicações, de valorização e de promoção das políticas e dos produtos culturais; comunicar de maneira eficiente e criativa, sem ambiguidades, propostas de intervenção cultural e científica; adquirir capacidade de atualização permanente no domínio científico da Gestão aplicada à cultura e ao Património.
O Mestrado em Gestão Cultural foi reconhecido, por despacho de 08-06-2012 do Senhor Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, para efeitos de progressão na carreira dos docentes do grupo de recrutamento 200 do ensino básico, 2º ciclo, nos termos previstos pelo artigo 54.º do Estatuto da Carreira Docente.

INFORMAÇÕES GERAIS

DURAÇÃO DO CURSO:

4 semestres / 2 Anos

NÚMERO DE VAGAS:

NÃO DISPONÍVEL

O ciclo de estudos orientado para a obtenção do grau de mestre em Gestão Cultural compreende 4 semestres (2 anos letivos), sendo concedido o grau a quem nele obtiver 120 ECTS.
Este mestrado oferece uma sólida formação científica que permite desenvolver os conceitos teóricos necessários para o crescimento e gestão das organizações culturais das áreas do património, das atividades artísticas e das indústrias culturais, com base numa formação avançada e multidisciplinar em gestão cultural.
Durante o decorrer do curso, as principais competências a adquirir são: identificar a importância do sector cultural como fator de criatividade e de desenvolvimento económico e social; aprofundar conhecimentos necessários ao exercício da gestão de âmbito cultural; posicionar-se no sector de gestão cultural, num contexto equilibrado entre os parâmetros patrimoniais, artístico-culturais, políticos e económicos; gerir de modo autónomo e inovador estruturas ou projetos de âmbito cultural e artístico em contextos alargados e interdisciplinares; investigar ações de comunicações, de valorização e de promoção das políticas e dos produtos culturais; comunicar de maneira eficiente e criativa, sem ambiguidades, propostas de intervenção cultural e científica; adquirir capacidade de atualização permanente no domínio científico da Gestão aplicada à cultura e ao Património.
O Mestrado em Gestão Cultural foi reconhecido, por despacho de 08-06-2012 do Senhor Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, para efeitos de progressão na carreira dos docentes do grupo de recrutamento 200 do ensino básico, 2º ciclo, nos termos previstos pelo artigo 54.º do Estatuto da Carreira Docente.

DIRETOR DE CURSO

DURAÇÃO DO CURSO:

4 semestres / 2 Anos

NÚMERO DE VAGAS 2018/2019:

NÃO DISPONÍVEL

SAÍDAS PROFISSIONAIS

Os graduados neste curso terão capacidades para exercer funções em Autarquias, Museus, Centros Comunitários e Culturais, Bibliotecas, Centros de Atividade de Tempos Livres, Empresas de Organização de Eventos, Centros de Apoio Social.

DESTINATÁRIOS

Podem candidatar-se a este curso os titulares do grau de licenciado ou equivalente legal; titulares de um grau académico superior estrangeiro, reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado; detentores de um currículo escolar, científico ou profissional reconhecido pelos responsáveis pelo ciclo de estudos como atestando a capacidades para a realização do ciclo de estudos.

A Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES) tem como missão garantir a qualidade do ensino superior em Portugal, através da avaliação e acreditação das instituições de ensino superior e dos seus ciclos de estudos.

Curso acreditado por 6 anos, a partir de 13-08-2015. Consultar avaliação do curso >